001.jpg
http://gruposegeti.com.br/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/947435Fiscontal.jpglink
http://gruposegeti.com.br/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/467488837198002.jpglink
http://gruposegeti.com.br/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/146270Segeti_Silva.jpglink
http://gruposegeti.com.br/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/990153Sem_t__tulo_1.jpglink
http://gruposegeti.com.br/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/900985ARQFISCO.jpglink
Fiscontal The accounting as a source of resistance to the economic crisis SS Tap Arq Fisco


Silencioso, mal-humorado, e detalhista: como lidar com esses tipos de chefe PDF Imprimir E-mail
Terça, 30 de Setembro de 2014 10:34

Silencioso, mal-humorado, e detalhista: como lidar com esses tipos de chefe

RIO— Não importa o quanto você ame seu trabalho, a sua felicidade está indissoluvelmente ligada ao seu relacionamento com seu gestor. Há milhares de tipos de chefes por aí, mas, independentemente das peculiaridades do seu gestor, lembre-se que você não está sozinho. Busque apoio e obtenha conselhos de outros membros da equipe ou da sua rede profissional. Só não se deixe virar vítima de maledicências ou outro comportamento pouco profissional. Lembre-se que juntos, vocês e seus colegas podem criar uma atmosfera amigável e solidária, independentemente do temperamento do seu chefe.

Diante deste cenário, o site de carreira americano CareerBuilder listou alguns exemplos de gestores e a melhor maneira de lidar com eles no dia a dia:

O silencioso — Trabalhadores com chefes que falam muito podem anseiar por um líder silencioso. Mas, muitas vezes, este tipo de gestor pode pensar que você é um leitor de mentes e advinhar o que ele quer. O tipo silencioso fornece pouca ou nenhuma orientação sobre projetos e, em seguida, ficam frustrados quando seus colaboradores não atendem às suas expectativas. Por isso não é nenhuma surpresa a pesquisa da Robert Half que o maior problema das empresas na gestão de suas equipe é a comunicação inadequadra.

Como lidar: Cada chefe tem seu método preferido de comunicação, seja e-mail, pessoalmente, telefone, mensagens instantâneas ou notas. O idela é descobrir a maneira favorita de seu chefe para interagir, e então utilizá-lo, mas com moderação. Bombardear os tipos silenciosos com constantes perguntas e mensagens só vai aumentar sua distância. Mas iniciar uma rotina de checagem regular com um método que você sabe que é confortável para o seu patrão pode incentivá-lo a lhe fornecer o feedback que você precisa.

O perfeccionista — Esses gerentes são extremamente direcionados e têm altos padrões, sendo que ambos são qualidades admiráveis. Mas entre todos os tipos de chefes, os perfeccionistas são os menos propensos a delegar, sempre duvidando de suas decisões e se intrometendo em tudo pelo caminho.

Como lidar: Não há nenhuma solução rápida para isto. Até um chefe perfeccionista confiar em você, não será capaz de convencê-lo a dar-lhe mais controle sobre as tarefas e projetos. A melhor estratégia é antever as preocupações e questões do seu chefe, e ter as respostas e soluções prontas. Concentre-se em fazer o melhor trabalho possível, e ofereça soluções sem esperar que o seu gestor pergunte. Com o tempo, o patrão perfeccionista pode te dar uma folga e largar do seu pé quando perceber que você é capaz de fazer o seu trabalho com padrões elevados.

O rabugento/ mal humorado — Enfrentar alguém que está sempre de mau humor é bastante complicado, ainda mais em se tratando do chefe. O mau humor crônico pode ser pelo fato dele estar sobrecarregado ou estressado, ou simplesmente por ter levantado do lado errado da cama! De qualquer forma, alguém que apresente um comportamento agrassivo, rabugento ou totalmente rude faz com que as pessoas pisem em ovos cada vez que precisam manter contato. Muitos até preferem sair do caminho e não enfrentar o chefe nos piores momentos.

Como lidar: Lute contra o impulso de responder na mesma moeda, respondendo da mesma forma como é tratado. Isso só irá esquentar ainda mais os ânimos. Além disso, sua reputação profissional está na mira. Também não é o momento de bajular e parecer a pessoa mais doce do mundo. Sofrer em silêncio não é bom nem para seus relacionamento de trabalho e nem para sua saúde mental. Em vez disso, tente ser calmo, porém franco, e resolva qualquer grosseria de maneira direta. Enfrente o comportamrnto nada profissional mantendo a compostura. Isso pode ajudar a resolver o mau humor do seus chefe e a incentivar interações mais adequadas. Caso isso não resolva, o jeito é procurar ajuda do departamento de RH.

O egoísta — Este é um dos tipos mais difíceis de conviver. Gestores egoístas criam um ambiente de trabalho tóxico. Eles têm prazer em manter os trabalhadores "em seu lugar", muitas vezes humilhando-os, e se ressentem com o sucesso e realizações de outras pessoas.

Como lidar: Um chefe com um ego maior que o mundo certamente não é nada fácil. A melhor maneira é demonstrar respeito e lembrar que o modo como ele lhe trata não é uma indicação do seu valor como empregado ou pessoa. Não há muito o que fazer para mudar o comportamento de uma pessoa egoísta. Se a situação ficar insustentável, a melhor coisa a fazer é pensar em mudar de emprego.

Fonte: Globo.com



 

 
   

Grupo Segeti - R. Doutor Olavo Egídio, 812 - Santana - São Paulo / SP - Telefone: (11) 2971-5500 | Design e Otimização por Barutti.com.br